Coisas Boas de Agosto

Apesar da fama nefasta, agosto passou voando por aqui. Segui com uma quantidade insana de trabalho, a ponto de na segunda-feira já ansiar pela sexta. Matenho o pensamento positivo: setembro será melhor.

Livro favorito: o mês foi cheio de ótimos livros. Vou escolher The Outsiders – Vidas Sem Rumo (S. E. Hinton) pelo elemento inusitado – eu nunca teria ouvido falar dele se não fosse pelo projeto #quemteviuquemteleu, da @tinyowl.reads, @seguelendo e @soterradaporlivros (links para os perfis no instagram), e teria perdido um grande livro. A escrita é singela, mas a história de Ponyboy e seus amigos é forte e, apesar do distanciamento cultural e temporal, contemporânea. Chorei, sim.

Filme favorito: a maioria dos que vi em agosto mereceu três estrelas (inclusive a versão de The Outsiders que, embora correta, acabou diluída pelo impacto que o livro me causou), ou seja, foram filmes decentes, mas sem nada especial. Amadeus foi o único a levar quatro estrelas, e talvez apenas porque a impressão deixada pela peça foi fraca o suficiente para que eu reduzisse minhas expectativas quanto ao filme e acabasse tendo uma grata surpresa com ele. As atuações são ótimas, bem menos histriônicas que as da peça. Os figurinos e elementos de época chamam a atenção e a edição é muito competente.

Série favorita: comecei a rever Modern Family. Ando pela quarta temporada – parei de ver a série por essa época, então agora é tudo novidade pra mim, e tenho me divertido muito. Preciso mencionar também Unbelievable, minissérie da Netflix que começa com a história de uma garota que foi estuprada, mas ninguém acredita nela – apenas anos depois a verdade vem à tona. O processo de sucessivas revitimizações é chocante. A produção é ótima e a minissérie é baseada em uma história real.

Bônus: o coração de latte art está quase saindo, finalmente! Falta consistência agora – às vezes dá certo, mas na maioria do tempo ainda não fica bom (em aparência; em sabor, fica sempre excelente).

 

3 thoughts on “Coisas Boas de Agosto

  1. Por aqui o mês de agosto foi uma piscadela. Não lembro de um agosto ter passado tão rápido.

    Eu não conhecia esse projeto de leitura, achei bem interessante. Vi Amadeus por esses dias, mas nessa quarentena não consigo mais saber quanto tempo se passa entre uma coisa e outra. Achei bem bom. Se não me engano também dei 4 estrelas. Vou perguntar, mas certamente encontrarei algum link por aqui: tem perfil no letterboxd?

    O coração no café: ??????????

    1. Ahhh, chateada que os emojis de palmas viraram ponto de interrogação. Em tempo: eram emojis de palmas. Parabéns, achei linda o coração.

      1. Eu não tinha entendido as interrogações. 😛 Deve ser culpa do wordpress, depois dou uma olhada nisso – e obrigada pelo elogio! Nunca tinha ouvido falar desse letterboxd, acredita? Vou dar uma olhada. Tenho no imdb, mas não faço resenha nem nada, só classifico os filmes que vejo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *