Livro: Nascido do Crime

Livro da vez: “Nascido do Crime”, de Trevor Noah. Livro da Tag Inéditos de janeiro de 2020, que li em março de 2021… pois é, estou atrasada na publicação, mas escrevi a resenha assim que acabei de ler.

É bem comum que eu comece a ler um livro (ou ver um filme) sem ler a sinopse. Com “Nascido do Crime”, foi o que aconteceu, e demorei umas 8 ou 10 páginas para perceber que eu não estava lendo um romance, mas as memórias de Trevor Noah, apresentador e comediante sul-africano com uma proeminente carreira nos EUA.

Trevor nasceu em Joanesburgo nos últimos anos do apartheid, filho de uma sul-africana com um suíço. Sua própria existência era um crime, já que o regime proibia relacionamentos entre brancos e negros, daí o nome do livro. Com um humor afiado, ele narra episódios da infância e adolescência, mostrando como lidou com a fome e a pobreza e dando um panorama sobre a segregação no país, que persistiu mesmo após o fim oficial do apartheid. Algumas passagens provocaram risos, outras me deixaram à beira das lágrimas. Impossível não ver semelhanças com o Brasil.

Estrelinhas no caderno: 5 estrelas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.