Moqueca de Peixe

Escolhi essa receita para a semana do Dia dos Pais por duas razões: é uma das especialidades do meu pai; é um prato que pode ser feito em poucos minutos, não dá trabalho, não faz bagunça e rende bastante – perfeito para reuniões familiares, quando a idéia não é morrer de trabalhar na cozinha, mas aproveitar o tempo com gente querida.

De sobremesa, que tal uma torta de morango?

Ingredientes

  • 1,2 quilo de peixe fresco de couro, de boa qualidade
  • Limão ou vinagre
  • Sal
  • Pimenta-do-reino
  • Azeite
  • 4 cebolas
  • 4 tomates
  • 4 pimentões verdes, amarelos e vermelhos
  • Cheiro verde (salsinha e cebolinha) picado
  • 3 dentes de alho partidos ao meio
  • Pimenta de cheiro
  • 1 caixa (520 gramas) de molho de tomate
  • 1 vidro (200 ml.) de leite de coco

Você também precisará de

  • panela[bb] grande de alumínio grosso, ferro ou barro

Preparo

Corte o peixe em postas grossas e tempere-o com limão (ou vinagre), sal e pimenta-do-reino.

Enquanto o peixe descansa no tempero, fatie as cebolas e retire a pele e as sementes dos tomates, cortando-os em rodelas largas (aproximadamente 2 cm.). Abra os pimentões, retire as sementes e fatie-os da mesma forma. Adicione sal aos tomates, cebolas e pimentões.

Moqueca de peixe fumegando, pronta para servir Escolha uma panela de diâmetro compatível com a quantidade a ser preparada, lembrando que não se mexem os ingredientes durante a confecção. Forre o fundo da panela com azeite. Distribua uma camada de cebolas, depois tomates, pimentões, cheiro verde, alho e a pimenta de cheiro. Deite sobre eles uma camada de peixe. Repita o processo até o fim dos ingredientes (ou da capacidade da panela), terminando com as cebolas, tomates e pimentões.

Leve ao fogo brando. Depois de uns 15 minutos, adicione o molho de tomate. Aguarde mais 5 minutos e veja se a moqueca já está no ponto: o peixe deve estar macio e em caldo grosso. Só então acrescente o leite de coco, que não deve ferver, apenas aquecer um pouco.

Dicas e Complementos

Sugestões de peixes: surubim, filhote, pescada amarela, badejo, robalo, cação.

Lembre-se de que, uma vez postos na panela, não se mexem os ingredientes. Caso contrário, acabará desmanchando as postas e o prato não ficará tão atraente.

Moqueca de peixe servida com farinha de rosca Deixe à disposição dos convidados cumbucas com farinha, pimenta, salsinha, cebolinha e coentro picados, para que usem à vontade sobre o prato.

Na moqueca capixaba não se usa azeite de dendê, típico da moqueca baiana. O leite de coco é opcional e dá um toque de sabor muito bem-vindo.

A moqueca fica bem acompanhada com arroz e vinho brancos.

Calcule 300 gramas de peixe por pessoa, lembrando de regular a quantidade dos outros ingredientes.

  • Tempo de preparo: 30 minutos
  • Grau de dificuldade: fácil
  • Rendimento: 4 porções

Atualização em 13 de agosto de 2007: originalmente, denominei a receita de “Moqueca Capixaba”. Nos comentários, o Ricardo fez algumas observações importantes sobre a verdadeira moqueca capixaba:

Parabéns pelo blog mas preciso corrigi-la quanto à receita da moqueca capixaba. É claro que existem variações, principalmente de um estado para outro, mas alguns ingredientes são essenciais em se tratando da versão capixaba.

Primeiro que a panela, neste caso, tem que ser de barro. Usar panela de alumínio grosso ou ferro é sinônimo de remover a palavra “capixaba” do nome do prato. O mesmo vale para utilização do leite de coco que você colocou como opcional.

Por fim, um ingrediente muito importante que você não incluiu nesta receita é o óleo de urucum, preparado a partir da semente de mesmo nome. Na minha opinião, é este óleo mais a preparação do prato na panela de barro que tornam o prato uma autêntica moqueca capixaba.

Para uma boa versão da moqueca original, recomendo o site http://moquecaecia.com.br/moqueca.htm.

Se tiver oportunidade de prepará-la, depois me fala qual achou melhor.

Ricardo, agradeço a correção. Alterei o nome da receita para “Moqueca de Peixe”, seguindo sugestão do meu pai, especialista na coisa. Quando fizer a original, aviso. 🙂

42 thoughts on “Moqueca de Peixe

  1. Não vi, Carol, vou dar uma passadinha por lá. A receita de amarula caseira é polêmica… eu adoro, mas, como escrevi na própria receita, não é igual à amarula de verdade, que é insuperável.

  2. Oi, Lu!
    Que delícia de receita! Pena que vivo de delivery… o melhor de tudo é que adoro programas de culinária! Realizo minha inabilidade assistindo todas as maravilhas que jamais serei capaz de fazer… e que parecem fáceis…
    .
    E depois de tudo o que aconteceu, acabei dando um tempo. Fiquei sem rumo e sem voz, de verdade. Mas estou tentando me levantar aos pouquinhos a cada dia… vai passando a dor. Obrigada pela força.
    Beijo!

  3. Olá!!
    Estou passando por aqui para dar meus parabéns
    pela sua indicação, ao prêmio blog 5 estrelas!
    Seu blog é muito original, parabéns 2x!
    rsrs..
    bom fim de semana.
    =]

  4. Lu, mais uma vez parabéns!
    Ainda mais depois de um post falando sobre uma receita da minha terra: realmente quem come a moqueca capixaba nunca mais esquece.
    Seu pai é capixaba?!
    No mais, se vier à Vitória é só avisar, viu….risos
    Um abração e bom final de semana.

  5. Parabéns pelo blog mas preciso corrigi-la quanto à receita da moqueca capixaba. É claro que existem variações, principalmente de um estado para outro, mas alguns ingredientes são essenciais em se tratando da versão capixaba.

    Primeiro que a panela, neste caso, tem que ser de barro. Usar panela de alumínio grosso ou ferro é sinônimo de remover a palavra “capixaba” do nome do prato. O mesmo vale para utilização do leite de coco que você colocou como opcional.

    Por fim, um ingrediente muito importante que você não incluiu nesta receita é o óleo de orucum, preparado a partir da semente de mesmo nome. Na minha opinião, é este óleo mais a preparação do prato na panela de barro que tornam o prato uma autêntica moqueca capixaba.

    Para uma boa versão da moqueca original, recomendo o site http://moquecaecia.com.br/moqueca.htm.

    Se tiver oportunidade de prepará-la, depois me fala qual achou melhor.

  6. Elza e Josluza, obrigada pelos parabéns. Josluza, meu pai é paulista. 🙂 Valeu pelo convite!

    Ricardo, obrigada pelas dicas, alterei o nome da receita e inclui seu comentário.

  7. Obrigado, Lu.

    Desculpa chegar assim ao seu blog já dando pitaco; Isto é coisa de capixaba que está morando fora e está com saudade da terra natal. 😉

  8. Oi Lu!

    Adorei a receita. Não sabia fazer moqueca, mas depois dessa receita super fácil não tem como errar! 🙂

    Obrigada!

    Beijocas

  9. Aqui em casa, nos finais de semana, sempre fazemos pratos únicos. A moqueca é um dos pratos. Adoro! Gosto da versão capixaba que entra o coentro. Não gosto da nordestina, por causa do dendê e olha, essa sua está para paulista! 🙂 Beijus

  10. Lu, não sei se já comentei, mas sou uma pessoa completamente fora da cozinha, então o que mais gosto nas suas dicas de receitas é avaliar o grau de dificuldade… fico imaginando, eu que detesto peixe achando fazer essa moqueca fácil…rs. A torta de morangos parecia bem mais.

    E menina, quando você voltar de Sampa vamos ver se marcamos aquele encontro para você me contar as mil novidades da blogosfera, ok?

  11. Que é isso, Ricardo, pitacos como o seu, que acrescentam informações úteis, são sempre bem-vindos!

    Cel, eu também achava que era um bicho de 7 cabeças, até ver fazer e descobrir que é tranqüilo, tranqüilo.

    Luma, coentro é uma coisa polêmica, prefiro deixar à parte em qualquer receita. Vai ver que essa é paulista mesmo, hehehe.

    Bia, que boa lembrança essa sua! Vamos agitar esse orkontro para logo depois do BlogCamp, sim! Vou deixar uma mensagem por lá daqui a pouco.

    Dani, do jeito que eu faço, tipo uma vez por mês, é fácil ser cozinheira. Duro é fazer a comida do dia-a-dia.

  12. Oi Xará!
    Amo peixe! mas deixa o post sem foto mesmo que eu sofro menos hehehe
    E compra o rímel sim! A gente merece “se mimar”, ainda mais com o $$$ do Imposto de Renda.
    Beijão

  13. Tô dentro,quem de vcs vão me convidar,emmmm??Sou boquinha miuda,e ainda levo a sobremesa.

    Tudo bem enquanto espero vou comento meu disco voador mesmo…

  14. Muito boa essa receita aqui na Petrobras foi um sucesso.
    Obrigado.
    Um abraço

  15. Minha moqueca foi feita com Cherne

    Ingredientes:
    2,5 kg de postas de cherne;
    5 tomates cortados em rodelas
    2 cebolas grandes cortadas em rodelas;
    1 pimentão amarelo cortado em tiras
    1 pimentão vermelho cortado em tiras
    alfavaca; ( nome chique do manjericão)5 folhas;
    1 pimenta-dedo-de-moça;
    3 maços de cebolinha;
    1 maço de salsinha;
    ½ maço de coentro;
    sal e pimenta do reino à gosto.

    Modo de preparo:
    Tempere o peixe com pimenta ,sal e limão duas horas antes.

    -Unte o fundo da panela e ferro com 2 colheres de azeite de dendê e azeite de oliva à vontade;
    -Preencha a primeira camada dos legumes e verduras
    (pimentão,tomate,salsa,cebola,cebolinha,alfavaca,coentro….)
    -Preencha a primeira camada do peixe;
    obs::Não deixe espaços vazios na panela;
    -Preencha a segunda camada das verduras e legumes;
    -Preencha a segunda camada do peixe;
    E assim sucessivamente até utilizar todos ingredientes;
    -Leve a panela ao fogo brandíssimo;
    -Na primeira fervura , desligue o fogo e pingue 10 gotas de limão( torna o peixe mais consistente);
    -Ligue o fogo brando por mais 20 minutos;
    -Porém, ao passar os 10 primeiros minutos adicione 1/2 kg de camarão branco descascado na última camada;
    -Não mexer nos ingredientes;
    -Após transcorrido os 20 minutos é só servir;
    -Aproveite o caldo e faça o pirão.
    _Foi minha primeira moqueca e adorei.

  16. Lu,
    Você salvou minha noite ontem com essa receita maravilhosa!!
    Nunca fiz nenhuma receita com peixe na minha vida, ontem resolvi arriscar e ficou uma delícia!!! Meu namorado amou!!

  17. Adorei a receita, mas no lugar do extrato de tomate coloquei o açafrão…….. hunnnnn, ficou uma delicia.

  18. Seguirei essa receita Aqui em Curitiba, farei pela primeira vez uma moqueca e será pra 9 pessoas

  19. Oi lu, mto boa sua receita. eu dei uma incrementada fritando o peixe antes. dá um pouco mais de trabalho mas ficou bom

  20. Eu queria mesmo saber sobre ele, e não a receita dele, bom, a receita tb!

  21. Lu, brigado pela sua receita, estava precisando dela, tentei pedir a alguem q conhecesse melhor de cozinha que eu e naum encontrei, mas agora fikei satisfeito. brigado e parabens pelo blog.

  22. vou fazer esta muqueca,é a primeira que faço,depois te passo o resultado.tenho certeza que vai ficar uma delícia.obrigado

  23. gente meu pai fez essa moqueca tava uma delicia huuuummmmmmmm…
    o meu avo foi come r mais encheu o prato so dessa moqueca
    nem aroz ele pos.

  24. Ola Lu, boa tarde, tambem gosto de cozinhar, e esta semana eu preparei a sua receita, todos gostaram, parabens ela e realmente um sucesso.
    Abçs.

    Paulo Santos

  25. Olá Lu, achei teu blog por acaso, procurando uma dica de como fazer as postas de filhote que acabara de comprar. O fato é que encontrei essa receita, fiz, e ficou simplesmente MARAVILHOSA, meu marido amou, comeu muiiiito. Muito obrigada por postá-la, já salvei seu blog em meus favoritos…

  26. olha gente faço muqueca com tainha e fica uma delicia,se quiser complementar coloque batada e abobora por camada

  27. tambem da para fazer umcaldo com todos os temperos depois de engrossar coloque batatas em rodelas,cenoura e abobora depois de cozidos va colocando aos poucos a tainha e deixe ferver por 15 minutos e sirva com vinho branco natural,olha pessoal para complementar tudo so falta estar com o cartao ddo inps e uma ambulancia na porta bom apetite

Comments are closed.