Farofa de Natal

Bem, na verdade, é apenas “farofa”. O “de Natal” é porque há décadas ela é a receita natalina tradicional da família – toda família tem a sua, certo? Essa é invenção do Sr. Monte e, embora os ingredientes possam variar ligeiramente de um ano para outro, a banana é a estrela do prato e sempre está presente. O preparo é simples, mas o mis en place é fundamental. O resultado é uma mistura de doce e salgado muito bem-vinda e perfeita para acompanhar o peru, o chester, o lombo…

Ingredientes

  • 600 gramas de carne (de boi ou de porco) previamente assada
  • 200 gramas de linguiça (recomenda-se a calabresa)
  • 200 gramas de bacon de qualidade
  • 4 bananas nanicas maduras, mas firmes
  • 1 cebola média
  • 50 a 100 gramas de ameixas pretas secas sem caroço
  • 50 a 100 gramas de uvas passas (brancas ou pretas) sem semente
  • 4-5 colheres (de sopa) de azeitonas verdes picadas
  • farinha de mandioca, q/b
  • sal e pimenta-do-reino moída a gosto

Você também precisará de

  • panela grande e funda

Preparo

Pique o bacon em cubinhos, frite, retire o excesso de gordura com papel-toalha e reserve-o numa trouxinha de papel alumínio.

Farofa de Natal
Prontinha!

Na gordura do bacon (despreze o excesso, deixe apenas o necessário), frite a linguiça e a carne, cortadas em cubos.

Adicione a cebola picadinha e deixe dourar. Tempere com sal e pimenta.

Junte as ameixas, as uvas passas e as azeitonas, mexendo por uns 2 ou 3 minutos.

Acrescente as bananas picadas em pedaços grandes (3 a 4 cm.)

Mexa tudo com cuidado para não amassar as bananas (faça movimentos de baixo para cima). Quando as bananas começarem a cozinhar (elas douram e amolecem um pouco), adicione a farinha de mandioca aos poucos, apenas o suficiente para que ela envolva os demais ingredientes.

Na hora de servir, espalhe o bacon crocante por cima da farofa.

Farofa de Natal
Feliz Natal!

Dicas e Complementos

As quantidades dos ingredientes, e os próprios ingredientes, são flexíveis. Se não gosta de uva passa, por exemplo, é só não colocar. Abacaxi em pedaços também entra bem na receita.

  • Tempo de preparo: se todos os ingredientes já estiverem separados e picados, uns 20 minutos
  • Grau de dificuldade: fácil
  • Rendimento: seis porções

Guacamole

Detesto abacate doce. Odeio vitamina de abacate, abacate amassado com açúcar e qualquer dessas variações.

Vai daí que demorei anos para dar uma chance à guacamole, essa espécie de antepasto de abacate muito comum no México (onde comê-lo com açúcar é heresia). Quando finalmente me arrisquei, virei fã! Fazer em casa é das coisas mais simples do mundo, rende horrores e faz sucesso em reuniões entre amigos.

Ingredientes

Guacamole
Os ingredientes.
  • 1 abacate maduro
  • 1 tomate maduro, mas firme
  • 1/2 cebola pequena
  • umas duas colheres (sopa) de suco de limão
  • sal a gosto
  • pimenta a gosto

Você também precisará de

  • vasilha grande para misturar tudo
  • vasilha simpática para servir a guacamole

Preparo

Pique a cebola bem miudinho. Tire as sementes do tomate (pode deixar a pele) e pique-o também.

Abra o abacate no sentido do comprimento, jogue fora o caroço e, passando uma colher rente à casca,  retire a polpa. Numa vasilha, amasse com um garfo. Ele deve ficar com pedacinhos, nada de transformá-lo numa papa.

Despeje o suco de limão enquanto amassa. Junte o tomate e a cebola e misture. Acrescente sal e pimenta a gosto.

Sirva com totopos (doritos), torradinhas ou monte uma bela salada com folhas verdes (endívias são ótimas pra isso). Uma cervejinha acompanhando cai muito bem.

Dicas e Complementos

Guacamole
Com torradas.

A guacamole original leva coentro picado. Eu não curto e, quando fiz para fotografar pro post, esqueci de comprar salsinha pra substituir. Ficou uma delícia mesmo assim.

A única dificuldade de fazer guacamole está em encontrar um bom abacate. Prefiro os “de rua”, menores e de casca mais escura, porque a polpa é mais saborosa e resistente, o que evita que a guacamole vire um mingau. Só que, no fim das contas, acabo recorrendo ao abacate de quitanda, mesmo…

Não use azeite na guacamole, o abacate já tem gordura suficiente.

Nem pense em eliminar o limão. Ele é fundamental pro abacate não escurecer em contato com o ar, o que deixaria a guacamole um tanto repulsiva.

Embora seja um prato tipicamente mexicano, a ideia da guacamole não é ser apimentada, mas refrescante. Mesmo assim, acrescentei duas pimentas dedo-de-moça (chili) sem sementes e bem picadinhas à receita. Recomendo.

A guacamole dura uns 3 dias na geladeira, daí pra menos. O ideal é consumir imediatamente.

  • Tempo de preparo: 20 minutos
  • Grau de dificuldade: fácil
  • Rendimento: enorme – uns 400 gramas, o suficiente pra pilhas e pilhas de totopos.

Shitake na Manteiga ao Forno

Dia desses, o Maestro Billy postou no twitter uma receita de shitake (ou shiitake, como queira) preparado no forno que me deixou quase morrendo de vontade. Adoro shitake e acostumei-me a refogá-lo na panela – só que no forno tudo fica mais fácil! Você põe tudo lá dentro, marca o tempo e fica livre para preparar o prato principal, sem ter que cuidar de mais uma panela.

Shitake na Manteiga ao Forno
Fatiado e com pedacinhos de manteiga.

Ingredientes

  • 200 gramas de shitake
  • 20 gramas (uma colher de sopa cheia) de manteiga com sal
  • sal a gosto

Você também precisará de

  • papel-toalha ou pano de prato limpo
  • papel alumínio
  • assadeira

Preparo

Shitake na Manteiga ao Forno
A trouxa de papel alumínio.

Limpe os cogumelos com papel toalha umedecido, ou use o pano de prato úmido para isso. Você eliminará resquícios de terra e não correrá o risco de encharcar o shitake (que é esponjoso) lavando em água corrente.

Separe os talos e fatie os chapéus.

Num pedaço grande de papel alumínio, coloque as fatias e a manteiga. Faça uma trouxa. Leve ao forno pré-aquecido em temperatura baixa (180ºC) por 20 minutos.

Retire, abra a trouxa com cuidado, polvilhe uma pitada de sal (se desejar) e sirva como uma entrada quente, um guarnição para o salmão, um acompanhamento pra torradas ou como preferir. Eu acabo comendo a maior parte dele puro, mesmo, de tanto que gosto.

Shitake na Manteiga ao Forno
As torradas são de pão integral, por isso estão escuras assim. 😉

Dicas e Complementos

Você pode substituir a manteiga por azeite, e ainda acrescentar um pouco de shoyo antes de assar o shitake. Se usar shoyo, não acrescente sal ao fim do preparo.

Fiquei com dó de jogar os talos fora. Coloquei-os inteiros em outro pedaço de papel alumínio, reguei com azeite aromatizado com alecrim, embrulhei e deixei no forno por quase meia hora (porque são mais duros e fibrosos que os chapéus). Ficaram uma delícia! Recomendo que os aproveite, como eu fiz, mas não os misture às fatias de shitake, para não prejudicar a textura e o aspecto do prato.

  • Tempo de preparo: 30 minutos, contando o tempo de forno
  • Grau de dificuldade: fácil
  • Rendimento: 2 porções

Tomates Recheados

Quer uma receitinha fácil para incrementar o almoço do fim-de-semana? Que tal fazer tomates recheados? São uma ótima entrada e combinam com quase tudo.

Ingredientes

  • 6 tomates maduros (mas não molengas) grandes
  • 300 gramas de presunto magro fatiado
  • 1 lata de ervilhas
  • seis fatias pequenas de queijo mozarela
  • sal, pimenta e demais temperos a gosto

Você também precisará de

  • assadeira média

Preparo

Tomate Recheado
Tomate Recheado

Lave os tomates. Corte uma tampa em cada um e, com uma colher, retire as sementes. Jogue água dentro deles para tirá-las bem.

Pique o presunto fatiado em quadradinhos.

Escorra e lave as ervilhas.

Misture o presunto, as ervilhas e o tempero. Recheie os tomates com essa mistura. Cubra cada um com um pedaço de queijo e leve-os ao forno baixo (pré-aquecido) por meia hora.

Sirva-os quentes, para abrir a refeição no lugar da salada.

Dicas e Complementos

Você pode variar o recheio de inúmeras formas. Experimente substituir o presunto por peito de peru, ou por atum. O queijo em fatias pode ser substituído por parmesão ralado.

O tempero também fica ao gosto do freguês: mais ou menos apimentado, com orégano para dar um toque italiano ou com uma pitada de noz-moscada para um sabor exótico. Exercite a criatividade!

  • Tempo de preparo: 40 minutos (por causa do tempo de forno)
  • Grau de dificuldade: fácil
  • Rendimento: 6 porções